Auto-Ajuda
Não somos os mesmos que éramos

Não somos os mesmos que éramos

Tantas vezes ouvimos: – As pessoas não mudam!

Isto é o pensamento mais errado que podemos ter. Nenhum de nós é o mesmo que era à anos atrás… Que era à dias atrás… A vida assim o exige, que mudemos!

Mudamos porque crescemos, mudamos porque todos os dias aprendemos algo de novo. Não significa que mudemos para melhor, infelizmente isso nem sempre acontece, mas penso que a grande maioria tenta encontrar a melhor versão de si mesmo.

Mas o que significa mudar? Significa ser alguém que não sou? – Não, nada disso! Significa acordar partes de nós que poderiam estar adormecidas, ou então significa adquirirmos qualidades que não tínhamos em jovens mas que queremos ter. Percebemos com o passar dos anos que existem traços da nossa personalidade que podem ser desenvolvidos e melhorados.

Compreendemos que nos chateamos com coisas que não valem a pena, que entramos em guerras que a única coisa que nos trazem é desassossego. Crescer mostra-nos com mais clareza, que somos mais felizes quando nos focamos na nossa vida e deixamos a dos outros. Mostra-nos que devemos tentar ser as melhores pessoas que conseguimos, e se os outros não o forem contigo eles é que estão mal.

Portanto é errado dizer: – Eu sou a mesma pessoa que era à anos atrás!

Porque não somos, neste decorrer de tempo a vida aconteceu. Coisas boas e más sucederam e nós aprendemos com isso. E mesmo que seja uma pessoa que não retirou lição nenhuma, certamente aprendeu aquilo que não quer que lhe volte a acontecer de mau.

Cada um de nós deve tentar ser a melhor pessoa que conseguir, tanto consigo como com os outros. Se isso implicar mudar, pois então que seja. E não pensem que sermos bons abre precedentes para pessoas más nos atingirem. A mesma vida que anteriormente nos obrigou a crescer é aquela que nos dá ferramentas para nos sabermos defender.

Quando no presente nos acontece algo de mau, ainda que no momento não consigamos compreender, é a vida a tornar-nos mais fortes para conseguirmos enfrentar o futuro. De tudo devemos retirar uma lição e crescer.

%d bloggers like this: